Na exposição de meu céu interior: o coração

Textos


Bodas de Ouro, Ruth Olinda Gentil Sivieri! Que maravilha!
Toalha - pedaço de tecido macio e colorido que desafia o tempo e as vicissitudes para bem cumprir a sua finalidade. Tal qual o que sucede nas relações interpessoais (e conjugais), é preciso ter cuidado na preservação de uma toalha de banho ou de rosto, para que não se perca a sua tez aveludada. Afago de toalha Toalha cheirosa, macia e em viva cor, parece uma aragem delicada a envolver o corpo e a afagar a alma, enquanto uma aura de delicadeza enche o ar de magia e bem-querer. Parar para desfrutar a grandeza de um momento no qual a plenitude avança sobre todo e qualquer percalço, intimidando-o. Deixar-se afagar, retemperar as emoções num carinho terno e revigorante, preparando as mãos para toques quem sabe já esquecidos na poeira do tempo e das responsabilidades. Inspirar e expirar o halo de leveza no abraço de uma toalha, num encontro que, sublimemente, eleva o ser para o sonho, afastando-o do muito, corriqueiro e repetitivo.

Finalmente, celebrar a capacidade de saber sentir e de poder sorrir diante de uma toalha bem cuidada para que não se torne dura, áspera e sem cor em tantos anos de servidão, enxugando gotas d’água e lágrimas no instigante banho do viver.

Ruth e José Humberto, nossos mais efusivos abraços de amizade e de admiração aos seus 50 anos de vida em comum, recriando o mundo e cuidando bem as suas toalhas.

Regina Coeli, Rio de Janeiro/RJ & Cleide Canton, São Carlos/SP 02 de setembro de 2017.
Cleide Canton e Regina Coeli
Enviado por Ruth Gentil Sivieri em 03/11/2017
Alterado em 03/11/2017

Música: Noturno - Chopin

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras